Um piloto que teve homenagens únicas de colegas, equipes, imprensa e fãs, prova o quanto ele foi importante para o esporte. A própria Scuderia Ferrari fez coisas que somente um piloto de grande importância mereceria:

A única vez em que a Ferrari fez um macacão verde-amarelo, substituindo o obrigatório vermelho, foi para Felipe Massa, no Grande Prêmio do Brasil de 2006, onde ele fez a pole position e venceu dignamente. (Em 2013 teve um macacão também com detalhes em verde e amarelo novamente).

d06bra1719

Crédito da Foto: CarAndDriverTheF1

Em agradecimento, Massa fez um capacete feito especialmente em homenagem à Scuderia, quando anunciou sua saída da equipe, com o seu histórico na Ferrari:

4031814630-felipe-massa-vai-usar-capacete-especial-em-interlagos-2677742129

Crédito da foto: JovemPan.UOL

Sem dúvida, a corrida em Interlagos de 2008 foi marcante para todos os torcedores brasileiros, que chegaram a vê-lo como Campeão Mundial de Fórmula 1 por cerca de 30 segundos… Quando então o Hamilton consegue uma ultrapassagem na última curva e faz sua pontuação final no ranking ficar 1 ponto à frente do Massa.

Crédito da foto: GloboEsporte

Crédito da foto: GloboEsporte

Mas podemos relembrar outros grandes fatos, como quando foi engrandecido pelo companheiro Michael Schumacher, e pelo colega Fernando Alonso, no Grande Prêmio da Turquia em 2006, foi um momento histórico.

article-0-05453CFC0000044D-598_468x369

Crédito da foto: DailyMail.UK

E seu grande amigo Rubens Barrichello (para quem quiser ver um comparativo entre os dois, clique aqui nestes link), que mostrou uma bonita mensagem ao saber de sua aposentadoria da F1:

“Amigo… a vida é uma somatoria: familia, saúde, trabalho, amigos, ser feliz e alguma boa velocidade pra nós. Posso te dizer que a F1 me fez muito feliz …mas hoje sou ainda mais… Então vem pra cá felicidade #tamojuntoamigo

massabarrichello1-lg

Crédito da foto: GrandPrixUSA

Claro que não dá pra esquecer o acidente na qualificação do GP da Hungria de 2009, o qual Massa diz levar como uma lição de vida, quando foi gravemente atingido por uma mola que saiu do carro de Barrichello e culminou em uma forte batida no muro de proteção. Só conseguiu voltar a pilotar no ano seguinte, felizmente, sem sequelas.

Felipe-Massa-Ferrari

Crédito da foto: PortalRace

“Esse acidente me ajudou a entender que eu estava perto de pessoas que poderiam cuidar de mim. Eu vi grandes manifestações por muitos amigos de verdade. Eu posso confirmar que a Ferrari fez muitas coisas por mim naquela época. Eu ouvi que a equipe estava ao meu lado. E isso gerou momentos significativos”, complementou.

Talvez isso venha a fazer ainda mais sentido hoje, quando revelada sua intenção de sair da F1 ao final de 2016, e viver sua vida com menos riscos e mais proximidade da família e amigos. Oportunidades de trabalho não faltarão, podendo ir para outra categoria de automobilismo ou até mesmo ficando nos bastidores das equipes. São decisões que só cabem à ele tomar.

gettyimages-598319676

Crédito da foto: GloboEsporte

Em sua coluna no MotorSport.com, Massa escreveu um longo texto explicando sua saída, do qual destacamos este trecho:

“A vida nos presenteia com muitas escolhas e creio que, para mim, chegou a hora de partir e fazer algo diferente. Talvez vocês me vejam pilotando outro carro de corrida no futuro, mas no momento a única certeza que tenho é de que terei muito tempo para decidir o que fazer futuramente.”

Em entrevista coletiva à toda imprensa, Massa explicou o por quê de ter escolhido esta data para anunciar sua parada:

“Eu escolhi este lugar porque dez anos atrás Michael anunciou sua aposentadoria. O único jeito de eu continuar na equipe era ele parar. Ele escolheu isso e me deu a oportunidade de ficar.” – lembra.

1915985_557422344426275_4315483505240670287_n

Crédito da foto: GloboEsporte

E agradeceu à Williams:

“Fico feliz de ter feito parte desta equipe. A Williams teve um momento difícil e juntos fomos capazes de conseguir fantásticos resultados nas duas últimas temporadas.”

É uma honra ter tido mais um piloto brasileiro, disputando por esta equipe que sempre foi uma das principais da maior categoria do automobilismo mundial (ainda mais charmosa com o tradicional patrocinador Martini e suas cores clássicas!).

E em seu próprio Facebook ele fez um vídeo de agradecimento, e esta dedicatória:

14203315_639995386174598_2502138532238417259_n

Crédito da foto: Felipe Massa

Galera, gostaria de agradecer todas as mensagens, recados, homenagens e lembrança de todos, meus amigos, amigos da pista de outros esportes, família e fãs. Não esperava tantas mensagens bacanas assim… Do fundo do meu coração, muito obrigado!!!”

É o mínimo que poderíamos fazer por você, grande piloto, que marcou os seguintes números até o momento:

35 anos de idade

Títulos:

Na Fórmula 1 (até o GP da Bélgica de 2016):

  • 242 GPs
  • 1110 pontos
  • 1 temporada como colaborador
  • 14 temporadas como titular
  • 11 Vitórias
  • 41 Pódios
  • 16 Pole Positions
  • 15 Melhores Voltas
  • 1 Vice-Campeonato
gettyimages-476254408

Crédito da foto: Getty Images

E para quem é torcedor de sofá, que senta uma vez por mês no domingo pela manhã em frente à TV só para falar mal dos pilotos brasileiros, recomendamos acompanhar os fortíssimos pilotos adversários, as corridas classificatórias,  e ver o quanto é disputado e quantas questões técnicas existem neste esporte coletivo – sim, depende de muitas pessoas, e não apenas do piloto. #ficadica

Valeu, Massa!!!

Texto: Marco Escada

Foto de capa: GrandePremioUOL