Uma pena eu não ter guardado a revista da época (como iria imaginar que 20 anos depois eu iria querer resgatar essa capa – se alguém tiver, diga à #f1ponto8S !) Lembro de voltar de ônibus com minha mãe, e eu segurava uma Quatro Rodas nas mãos! Não, não quis um quadrinhos de heróis da Marvel ou DC nem de humor do Maurício de Souza ou um Passatempo Coquetel – eu quis uma Quatro Rodas!

E nela o meu primeiro sonho, branco, ousado para época. Tinha luz neon nos para-choques, faróis escamoteáveis, interior branco… E ainda por cima falava!!! Até hoje imagino como deve ser ligar o carro e ouvir  >>> –X8 ativado.<<<

Dias depois passei a reparar e ver quantos Miuras circulavam pela capital:

Miura Sport – Miura Targa – Miura Spider – Miura Kabrio – Miura Saga – Miura 787 – Miura X8 – Miura TopSport – Miura X11

Eram todos modelos esportivos, quase sempre sobre chassi tubular e motor Volkswagen, com exclusivas carrocerias em fibra de vidro que davam toda o charme aos carros. Sempre procurando inovar, adicionavam sistemas eletrônicos avançados pra época, como o próprio aviso com voz ao ligar o carro e até mesmo sistema de  freios ABS nos seus últimos modelos.

Imagino o quão audaciosos eram os criadores Besson e Gobbi, que em 1976 fundaram a fábrica e que venderam durante 20 anos seus carros exclusivos em Porto Alegre. Fica na memória.

Fonte: http://www.miuraclubebrasil.com/ Fotografia: Miura Clube RJ

#Miura #BessoneGobbi #PortoAlegre #raridade #carros #antigos

setacompartilhe900x180px

Deixe sua mensagem